Notícias

Colômbia terá segundo turno na eleição presidencial entre Petro e Hernández

Eleição está marcada para o dia 19 de junho; pela primeira vez partidos tradicionais ficaram fora da disputa

Por Redação Itatiaia | 30/05/2022 às 08:53
Reprodução/Fantástico/TV Globo
Foto: Reprodução/Fantástico/TV Globo

Colômbia terá segundo turno na eleição presidencial entre Petro e Hernández

O segundo turno das eleições na Colômbia segue para o segundo turno, entre Gustavo Petro e Rodolfo Hernández, após os eleitores irem às urnas nesse domingo (29). 

Petro obteve 40,3% dos votos, 12 pontos a mais do que Hernández, que ficou com 28,2% do eleitorado. Federico Gutiérrez, candidato de uma coalizão de forças ligada ao partido no poder, recebeu 23,9% e Sergio Fajardo, candidato centrista, ficou com (4,2%).

Petro já foi deputado duas vezes, senador e prefeito da cidade de Bogotá. Essa é a terceira vez que se candidata à presidência (ele foi derrotado em 2010 e 2018).

Quem fica com a segunda vaga para a disputa é o empresário populista independente Rodolfo Hernández, de 77 anos, que obteve 27,9% dos votos. Ele, que já foi chamado de "Trump tropical" pela imprensa local, cresceu nas intenções de voto nos dias antes da eleição e desbancou o favorito a ir ao segundo turno Federico Gutierrez.

Recentemente, Hernández obteve o apoio da ex-refém da guerrilha das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) Íngrid Betancourt, a única mulher que disputava a eleição, e que decidiu desistir da corrida devido aos maus resultados nas sondagens.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou