Notícias

América registra pior campanha brasileira da história na fase de grupos da Libertadores

O Coelho marcou apenas dois pontos em seis jogos disputados

Por Léo Martini* | 26/05/2022 às 17:49
Mourão Panda / América
Foto: Mourão Panda / América

Com a derrota por 3 a 0 para o Independiente del Valle-EQU, o América foi eliminado da Libertadores na lanterna do grupo D e registrou a pior campanha brasileira da história na fase de grupos do torneio. O Coelho conquistou apenas dois pontos na chave: um no empate por 1 a 1 com o Atlético, no Mineirão, e outro na Colômbia ao ficar no 2 a 2 com o Tolima. 

O recorde negativo anterior era do Bangu, na edição de 1986, que somou os mesmos dois pontos do América nos seis jogos na fase de grupos, mas o Coelho acabou ficando atrás no critério saldo de gols: -7 contra -6 dos cariocas. O Vasco também alcançou a mesma pontuação na Libertadores de 1985, ao empatar dois jogos e perder outros quatro, mas o Cruzmaltino registrou saldo “menos pior”, com cinco gols negativos. 

A única vez que um time mineiro tinha deixado a competição sem conquistar uma vitória na fase de grupos da Libertadores foi o Atlético de 1972. Na época, o Galo empatou quatro confrontos e perdeu os outros dois. Até então, a campanha do time alvinegro era a pior campanha de um clube de Minas Gerais no torneio. 

CONFIRA OS RESULTADOS DO AMÉRICA NA FASE DE GRUPOS DA LIBERTADORES: 

1ª rodada 
América 0 x 2 Independiente del Valle 
 
2ª rodada  
Atlético 1 x 1 América 

3ª rodada 
América 2 x 3 Tolima 

4ª rodada 
América 1 x 2 Atlético 

5ª rodada 
Tolima 2 x 2 América 

6ª rodada 
Independiente del Valle 3 x 0 América

*Sob supervisão de Fábio Rocha

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou