Wellington Campos

Coluna do Wellington Campos

Veja todas as colunas

Felipão, o enviado de Deus

16/10/2020 às 01:00
Felipão, o enviado de Deus

O Cruzeiro, na minha visão, acertou na mosca ao trazer Luiz Felipe Scolari para ser seu treinador. Vencedor nato. Puro sangue. Chato, e nem temos um relacionamento amistoso.

Respeito demais sua competência e seu trabalho. Não é vencedor por acaso. Muito pelo contrário. Deixou sua marca por onde passou.

Tivemos divergências, e nossos bigodes, mineiro e gaúcho, não se misturam. Aliás, não muda em nada nosso profissionalismo.

Não sei quem sugeriu o nome dele para “salvar” o Cruzeiro de outro rebaixamento e fazer o milagre da volta à Série A. Realista que somos, o quadro é esse.

Vão dizer mil coisas. Lembrar dos 7x1 da Alemanha e tudo mais. Faz parte. Porém, quando Felipão levou a Seleção Brasileira à conquista da Copa do Mundo de 2002, era o técnico celeste.

Estou muito à vontade para tratar do assunto. Felipão vem para o Cruzeiro com sangue nos olhos e faca nos dentes. Dar dignidade ao Cruzeiro novamente é o maior desafio da sua carreira.

Vai, Luiz Felipe Scolari, vai que a nossa fé azul te empurra!

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    Jogador deve substituir Patrick Brey, criticado por parte da torcida cruzeirense nos últimos jogos. #Itatiaia

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Ainda não há informações se o motorista da carreta ficou ferido. #Itatiaia

    Acessar Link